71 municípios de Mato Grosso precisam restringir circulação de moradores

Novo boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT), divulgado na noite desta quarta-feira (24), aponta que 79 municípios de Mato Grosso apresentam risco alto ou muito alto para a disseminação do novo coronavírus. Isso significa 56% dos municípios do Estado. De acordo com decreto do governo do Estado, todos devem adotar medidas restritivas de circulação local de pessoas, para conter o avanço da covid-19. O risco é avaliado pelo índice de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) exclusivos para pacientes com covid-19, que me Mato Grosso já passa de 85%, além da taxa de crescimento de contaminação de uma semana para outra.

Com a classificação de risco “muito alto” para o novo coronavírus, para os quais o governo passou a orientar a proibição até de reuniões familiares em residências, estão Cuiabá, Várzea Grande, Rondonópolis, Sorriso, Primavera do Leste, Lucas do Rio Verde, Nova Mutum, Tangará da Serra, Campo Verde, Cáceres, Matupá, Querência, Pedra Petra, Nossa Senhora do Livramento e Porto Esperidião.

Ainda de acordo com informações contidas no boletim, outros 64 municípios estão na classificação de risco “alto” para a disseminação do coronavírus: Pontes e Lacerda, Sinop, Barra do Garças, Marcelândia, Campo Novo do Parecis, Guarantã do Norte, Poconé, Vila Rica, Vila Bela da Santíssima Trindade, Peixoto de Azevedo, Jaciara, Água Boa, Diamantino, Nova Ubiratã, Poxoréu, Canarana, Mirassol D’Oeste, Feliz Natal, Sapezal, Santo Antônio do Leste, Juína, Porto do Gaúchos, Santa Carmem, Juscimeira, Pontal do Araguaia, Ribeirão Cascalheira, Vera, Alto Araguaia, Chapada dos Guimarães, Jangada, Gaúcha do Norte, Santo Antônio do Leverger, Nova Santa Helena, Barra do Bugres, Ipiranga do Norte, Juara, Campinápolis, Colíder, Lambari D’ Oeste, Terra Nova do Norte, Cláudia, General Carneiro, Juruena, São José dos Quatro Marcos, Curvelândia, Santa Cruz do Xingu, São José do Rio Claro, Tabaporã, Alto Garças, Itiquira, São Félix do Araguaia, Arenápolis, Nova Maringá, Novo Santo Antônio, São José do Povo, Alto Paraguai, Dom Aquino, Rio Branco, Serra Nova Dourada, União do Sul, Brasnorte, Porto Alegre do Norte, Nortelândia e Nova Brasilândia .

O Governo de Estado publicou novo decreto restringido ainda mais as medidas que devem ser adotadas pelos municípios, com base na classificação de risco para prevenir a disseminação da covid-19. O Decreto n° 532 foi publicado na edição extra do Diário Oficial deste quarta-feira (24.06). O documento altera as tabelas de classificação de risco, criando uma terceira tabela.

Fonte:   cenariomt.com

Add Comentários