Bezerra diz que reeleição está consolidada e ‘rasga elogios’ a Emanuel como prefeito

Declaração do presidente regional do MDB ocorreu durante lançamento das obras de viaduto na Avenida Beira Rio, em Cuiabá.

O cacique do MDB e deputado federal Carlos Bezerra rasgou elogios ao trabalho de Emanuel Pinheiro (MDB) como prefeito de Cuiabá, na manhã desta terça-feira (25) e em seu discurso, praticamente lançou a pré-candidatura à reeleição em 2020. As declarações de Bezerra ocorreram durante lançamento das obras do viaduto Murilo Domingos (ex-prefeito de Várzea Grande, já falecido), na Avenida Beira Rio, na Capital.

O cacique do partido declarou que Emanuel tem surpreendido à frente do Executivo municipal e sua candidatura à reeleição já está consolidada porque é um prefeito que “não calçou sapato alto”.

“Você é um jovem, cuiabano de chapa e cruz, que estar dando certo. O MDB governa as principais cidades do Estado e graças a Deus em todas elas os prefeitos vão bem. Emanuel é uma pessoa que não calçou o sapato alto. É trabalhador, humilde e, surpreendentemente, Emanuel, te confesso que você é bacharel e sou bacharel também, como radialista, que dificilmente dá certo no Poder Executivo. Damos mais certo com discurso do que fazer. Mas você, além de bom de fala, está demonstrando que é muito melhor realizar”, disse o presidente regional do partido.

No entanto, em entrevista aos jornalistas, Bezerra disse acreditar na possibilidade de uma aliança entre o MDB e DEM do governador Mauro Mendes (DEM), porém, essa discussão só irá ocorrer depois do Carnaval de 2020.

“Vamos discutir ano que vem [após o Carnaval]. Por hora queremos que ele faça a melhor administração possível e está indo bem”, desconversou o deputado federal.
A empolgação de Carlos Bezerra, conforme informações de bastidores, ocorre porque pesquisas internas do MDB mostram que a gestão Emanuel, apesar de alguns percalços, segue bem avaliada pela população. Isso tem empolgado até mesmo o prefeito a disputar as eleições.

Entretanto, a vontade do prefeito esbarra na vontade contrária da primeira-dama Marcia Pinheiro que já afirmou em público para que Emanuel não seja candidato por considerar o Executivo difícil e pesado. Por outro ponderou que quem decide é ele.

Repórter MT

Add Comentários