Exportações do agronegócio do Brasil somam quase US$ 9 bi em agosto com soja e açúcar

SÃO PAULO (Reuters) – A comercialização da nova safra brasileira de soja (2020/21), que começa a ser plantada neste mês, alcançou o recorde de 46,7% da produção esperada, alta de 5,1 pontos percentuais na variação mensal e acima dos 24,5% vistos um ano antes, estimou a consultoria Datagro nesta sexta-feira.

“A cada reação das cotações, que neste último mês se alternaram entre a CBOT, os prêmios e o câmbio, novos negócios foram acontecendo”, disse em nota o coordenador da Datagro Grãos, Flávio Roberto de França Jr.

Na mesma linha, as vendas de milho segunda safra 2019/20, cuja colheita está sendo finalizada, atingiram o maior patamar da série histórica em 76% da produção esperada, ante 69% no mês anterior.

A comercialização do cereal supera o recorde anterior visto em 2016, com 71%, e está levemente acima do mesmo período do ano passado, quando o país tinha 70% da produção vendida neste momento. As vendas do cereal também ficaram acima da média de cinco anos de 67%.

Fonte: Noticias Agricolas

Add Comentários