Glenn Greenwald é denunciado pelo Ministério Público Federal

O Ministério Público Federal apresentou uma denúncia contra sete pessoas na Operação Spoofing, que investiga a atuação de hackers nas invasões de aplicativos de mensagens de autoridades da República. Entre os acusados está o jornalista americano Glenn Greenwald, editor do site Intercepet Brasil – que, sem ser investigado, poderá responder pelos crimes de associação criminosa, interceptação telefônica e invasão de dispositivo informático alheio. Além de Greenwald, foram denunciados Walter Delgatti Neto, Thiago Eliezer Martins Santos, Gustavo Henrique Elias Santos, Luiz Molição, Danilo Cristiano Marques e Suelen Priscila de Oliveira. Eles são apontados como integrantes de um esquema criminoso de invasões de celulares e fraudes bancárias. De acordo com o MPF, foram comprovadas 176 invasões de celulares. Dentre as vítimas, estão o ministro da Justiça Sergio Moro e procuradores da força-tarefa da Operação Lava-Jato em Curitiba.

Veja.com

Add Comentários