Indígenas de MT fecham aldeias para turistas e missionários

 

Comunidades do Parque Indígena do Xingu decidiram fechar aldeias para turistas e missionários. O objetivo, segundo a Associação Terra Indígena do Xingu (Atix), é não deixar que o coronavírus entre nas comunidades.

Em comunicado, a Atix recomendou que os indígenas não se desloquem para as cidades, a não ser em casos de urgência, além de na receber pessoas de outras aldeias ou não-indígenas, turistas e até mesmo missionários.

“Não aceitem doações de roupas e outros objetos de uso pessoal. (…) As comunidades das aldeias que têm estrada com acesso para cidade devem estabelecer regras rígidas para saída e entrada das pessoas”, diz trecho do comunicado.

Populações indígenas são consideradas grupos de risco por ter imunidade mais baixa. Isso significa que qualquer vírus se espalha mais rapidamente e tem uma taxa muito maior de letalidade e complicações.

“Informamos que o lugar mais seguro para não pegar essa doença é a aldeia. Vamos seguir essas orientações de segurança e juntos iremos proteger as crianças, jovens, mulheres e anciões”, finaliza a nota.

Fonte:  gazetadigital.com

Add Comentários