Lideranças de Mato Grosso buscam na China, Vietnã e Indonésia aumentar venda de carne

O secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, César Miranda, e empresários do setor de proteína animal estão participando de uma comitiva aos países asiáticos em busca de expandir e acessar novos mercados. A comitiva mato-grossense integra uma delegação nacional, organizada pelo governo Federal, por meio do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento. Haverá encontros de negócios na China, Vietnã e Indonésia até a próxima segunda-feira (20). Estes países estão entre os principais compradores de carne mato-grossense. A primeira reunião com investidores foi ontem, em Shanghai, na China,  na maior feira de alimentos do país, a Sial China 2019, que este ano tem a participação de 72 países.

“Estamos tendo um diálogo muito produtivo com importadores e compradores e as tratativas me deixam cada vez mais convencido da importância do Imac (Instituto Mato-grossense da Carne). O mercado internacional quer qualidade, segurança e a certificação do produto mato-grossense. Lembrando que o mercado chinês comprou 12% da nossa produção de carne bovina ano passado e tem potencial para ampliar o volume de aquisição”, avalia Miranda.

As lideranças de Mato Grosso vão conversar com executivas de um banco líder global em serviços de financiamento para alimentação, agro-financiamento e sustentabilidade orientada, além da inauguração do pavilhão de alimentos e bebidas no novo Centro de Exposições Internacionais de Shanghai.

Outra agenda que pode trazer frutos para a economia estadual é a reunião com membros da Sinochem – uma corporação que atua no setor de energia.

No Vietnã, haverá audiência com o ministro da Agricultura e Desenvolvimento Rural do Vietnã, Nguyen Xuan Cuong. Os trabalhos serão finalizados na Indonésia, onde ocorrerá um encontro entre a delegação brasileira e membros do Ministério da Agricultura do país. Em seguida, as tratativas serão com dirigentes da Câmara de Comércio Brasil-Indonésia.

O presidente do Instituto Mato-grossense da Carne, Guilherme Nolasco, além de representantes do Sindicato dos Frigoríficos de Mato Grosso (Sindifrigo) e da Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat), bem como empresários fazem parte da comitiva, informa a assessoria.

Só Notícias

Add Comentários