MT: Frigoríficos em Lucas, Guarantã e outras cidades do Estado são habilitados a exportar para a China

 

Mais sete frigoríficos mato-grossenses foram habilitados a vender carne para a China. O comunicado foi feito pelo órgão sanitário do país asiático e enviado ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Desta forma, as empresas já podem começar a comercializar os produtos, imediatamente.

Conforme a lista divulgada pela pasta, as unidades que poderão vender carne bovina para a China ficam em Guarantã do Norte, Matupá, Rondonópolis, Tangará da Serra, Barra do Bugres e Várzea Grande. O país asiático também autorizou a exportação de carne de frango e suína de uma planta em Lucas do Rio Verde.

No total, a lista divulgada nesta segunda-feira contempla a habilitação de 25 frigoríficos no Brasil. Dos novos estabelecimentos habilitados, 17 são produtores de carne bovina, seis de frango, um de suíno e um de asinino. Com isso, o número de plantas autorizadas a vender para os chineses passou de 64 para 89.

As negociações foram conduzidas pelo Mapa, pelo Ministério das Relações Exteriores e pela Embaixada do Brasil na China.  A ministra Tereza Cristina comemorou a notícia. “Das 34 plantas que nós tínhamos levado [para as autoridades chinesas], 25 foram aprovadas hoje. Agora, esperamos a tradução do documento para sabermos o que mais precisamos fazer. É uma notícia muito boa, esperada pelo setor frigorífico brasileiro”, disse, conforme divulgado pela assessoria.

Em maio, a ministra e comitiva viajaram para China e outros países asiáticos com o objetivo de ampliarem a venda dos produtos agropecuários brasileiros.

 Só Notícias 

Add Comentários