Neymar ainda não pagou indenização de médico que fez parto do seu filho, diz site

 

Herbert Kramer ainda não recebeu o pagamento do parto que fez do filho de Neymar, Davi Lucca. Segundo reportagem do site Uol Esporte, o jogador do PSG terá que desembolsar para o profissional e seus assistentes R$ 46 mil reais pelo serviço prestado em 2011, segundo a sentença publicada pela Justiça em março deste ano.

A decisão da Justiça, em 2ª instância, ocorreu em dezembro de 2017, quando o Tribunal de Justiça de São Paulo determinou que o jogador e Carolina Dantas, mãe de Davi Lucca, pagassem o médico. Para o tribunal, a mãe e o atleta sabiam que o plano de saúde não podia cobrir o parto na capital. O plano atendia cidades da Baixada Santista, e o filho do jogador nasceu em São Paulo.

Segundo o relator do caso, Renato Sartorelli “os réus [Neymar e Carolina] tinham conhecimento da necessidade de arcar com os honorários do autor [Kramer], já que o procedimento médico se daria fora da rede conveniada, sem contar que o corréu Neymar se comprometeu a arcar com os custos referentes ao nascimento de seu filho”.

“A isso acresça-se que o ajuste foi entabulado de forma livre e espontânea, inclusive com a escolha, por parte dos próprios demandados, de hospital fora da rede conveniada (São Luiz da Comarca de São Paulo), devendo os réus, como corolário, arcar com encargos oriundos do procedimento”, completou.

 

Fonte: torcedores.com

Add Comentários