Notificações de dengue aumentam em Lucas do Rio Verde; de zika e chikungunya diminuem

A secretaria municipal de Saúde registrou 334 notificações de dengue no primeiro semestre, o que representa aumento de 225% se comparado ao mesmo período do ano passado, quando foram 98. Em 2017, houve 91 notificações de dengue.

O levantamento, divulgado esta tarde, aponta que os bairros com maior número de registro de notificações são Jardim das Palmeiras (48), Alvorada (40), Rio Verde (28), Veneza (25) e Bandeirantes (24).

Os agentes de endemias estão intensificando as visitas domiciliares. As atividades são realizadas diariamente e incluem orientação à população e intensificação da busca ativa por criadouros do Aedes Aegypti.

As notificações de zika e chikungunya tiveram queda em relação ao primeiro semestre do ano passado.

Conforme a secretaria, a solução mais viável e efetiva é conscientizar a população para eliminar os criadouros do mosquito com o objetivo de evitar o avanço das doenças no município. Para isso, os moradores estão recebendo orientações e, se forem encontrados focos, os agentes já fazem a eliminação dos criadouros do mosquito. A informação é da assessoria.

Só Notícias

Add Comentários