Santos cobra Flamengo por valor referente à compra de Gabigol e vai à Fifa

 

A compra de Gabigol pelo Flamengo no início do ano deixou o Rubro-Negro em débito com o Santos. O Peixe cobra cerca de 550 mil euros (R$ 3,3 milhões) dos cariocas, referente ao mecanismo de solidariedade da Fifa. Em entrevista ao jornalista Jorge Nicola, Pedro Doria, membro do Comitê de Gestão do Alvinegro Praiano, revelou a cobrança e afirmou que o clube entrou com um processo de instrução junto à entidade máxima do futebol.

“O Santos cobra o Flamengo, que não pagou o mecanismo de solidariedade do Gabigol. Eles não pagaram, já venceu a segunda prestação. Entramos primeiro com um processo de instrução na Fifa, para receber o contrato e entender quanto de fato é devido. Tivemos acesso aos números e, agora, como eles já pagaram duas prestações (para a Inter de Milão) e não fizeram o pagamento para nós, fomos à Fifa”, declarou.

 Impactado financeiramente pela pandemia do novo coronavírus, o Flamengo recentemente também teve que renegociar com o Athletico-PR o pagamento das parcelas pela compra do zagueiro Léo Pereira. Com a crise, o Rubro-Negro já reduziu os salários do departamento de futebol e demitiu funcionários.

Pedro Doria ainda se mostrou otimista por um acordo com o clube carioca. “Fizemos uma reclamação na Fifa, a partir daí vai iniciar-se um processo de instrução na Fifa, e o Flamengo deve fazer um acordo, até porque não é um valor expressivo… São quase 600 mil euros”, disse.

Gabigol foi contratado em definitivo pelo Flamengo junto à Inter do Milão no último mês de janeiro, pelo valor de 16,5 milhões de euros. Como o atacante de 23 anos passou pelas categorias de base do Santos, o clube alvinegro tem direito a receber uma quantia como clube formador.

Fonte   gazetaesportiva.com

Add Comentários