Padre Fábio de Melo revela como ele lida com o luto após sua mãe falecer

 

Neste sábado (23) o Padre Fábio de Melo, falou um pouco sobre seu luto e como ele lida com esse mix de sentimentos. O religioso participou do programa “É De Casa” da Rede Globo e fez um verdadeiro desabafo sobre a morte de sua mãe, que faleceu em março, vítima de complicações pelo COVID-19.

“Ela me dá muitas peças para eu entender, no mosaico, a minha existência. Então quando você perde essa pessoa, eu tenho uma sensação de que eu perdi tudo. De que qualquer outra perda que vier depois, claro, é perda. Mas aquela perda é tão fundamental, que eu não sei se outra doerá tanto como está doendo essa”, confessou.

“Eu não tenho mais a oportunidade de dizer ‘oi, mãe’ ou de ligar pra ela. Então quando você rompe esse simbólico, alguma coisa acontece dentro da gente que a palavra não explica. Eu estou tentando entender ainda o que é esse vazio”, disse ele.

Em seguida, o Padre também se abriu sobre seus problemas emocionais, e revelou que lida com depressão e síndrome do pânico: “Ser pessoa pública é o tempo todo ser imaginado. E eu sei quem eu sou, mas as pessoas me imaginam e geralmente me imaginam muito melhor do que eu sou ou muito pior. Nos dois lugares é ruim viver”, disse.

“Então eu, quando conto aquilo que me ocorre – a minha depressão, síndrome do pânico, angústias – estou reivindicando um direito de ser quem eu sou. E se algum encontro é possível, que seja assim. Porque eu também não quero encontrar as pessoas nas suas inverdades. Se estou aqui com você, seja bem-vinda com toda a sua luz e todas as suas sombras”, completou.

Fonte:       msn.com