Vexame? Poupando titulares e em maratona, Palmeiras se classifica e fica a apenas um ponto da vitoriosa campanha do Paulistão de 2020

 

O Palmeiras venceu a Ponte Preta no último domingo (9) por 3 a 0 fora de casa e se classificou para a próxima fase do Paulistão de 2021. O planejamento para a partida decisiva foi coerente com o restante da competição: titulares poupados para a Libertadores e escalação mesclada de reservas experientes e garotos da base.

 Contra a Ponte, Scarpa marcou golaço e deu duas assistências 

ATUAÇÕES: Com golaço e assistências, Scarpa brilha em classificação do Palmeiras

Há menos de duas semanas, após a derrota para a Inter de Limeira por 1 a 0 em casa, muito se falou em ‘virtual eliminação’ alviverde na primeira fase e, por consequência, um suposto vexame. Até então, o Verdão estava a seis pontos do Novorizontino, segundo colocado do grupo, restando três jogos a serem disputados. Sem sentir a pressão, os comandados de Abel Ferreira obtiveram 100% de aproveitamento nas últimas três rodadas, enquanto o time de Novo Horizonte conseguiu apenas um ponto e acabou sendo eliminado, mesmo tendo a sexta melhor campanha no geral (cinco pontos a mais do que o Guarani, que se classificou em outro grupo).

O Maior Campeão Nacional fechou a primeira fase do Campeonato Paulista com 21 pontos e com a quinta melhor campanha na classificação geral. Em 2020, quando acabou campeão, havia somado 22 pontos, mas jamais escalando uma equipe totalmente reserva. Ou seja, longe de ser vexatória, o desempenho palmeirense foi satisfatório, dentro da média da equipe no torneio e ainda preservou os principais jogadores para a sequência da temporada. Veja o desempenho completo do clube no final da matéria

Claramente com outras prioridades, o Palmeiras foi firme em seu planejamento do início ao fim da primeira fase do Paulistão. Usou o campeonato como laboratório para testar garotos e dar rodagem aos reservas, sem escalar o time titular completo uma vez sequer. Vale lembrar que o clube está entre as equipes que mais entraram em campo no planeta em 2021, chegando a 37 partidas, sendo a maioria entre intervalos de apenas dois dias.

A pressa em rotular negativamente a campanha palestrina, fazendo uso de termos como ‘vexame’ e ‘vergonha’, se mostrou precipitada. Agora, o Palmeiras tem a chance de defender seu título estadual. O adversário das quartas de final será o Red Bull Bragantino, na quinta-feira (13), em jogo único fora de casa e a comissão técnica do Verdão já avisou que seguirá a mesma política do restante do campeonato. Antes, a equipe entra em campo pela Libertadores diante do Independiente del Valle, no Equador, na terça-feira (11).

Confira a campanha palmeirense nas primeiras fases do Paulistão com o atual formato:

-> 2021 – 21 pontos (segundo do grupo – quinta melhor campanha)

-> 2020 – 22 pontos (primeiro do grupo – segunda melhor campanha)

-> 2019 – 25 pontos (primeiro do grupo – segunda melhor campanha)

-> 2018 – 26 pontos (primeiro do grupo – melhor campanha)

-> 2017 – 25 pontos (primeiro do grupo – melhor campanha)..

Fonte:    msn.com